Image Map
Compartilhe
postado por: Camila em 29/04/2018

Nick Jonas esteve recentemente em Nova York e foi entrevistado para Kidsday Reportes, que nada mais é que crianças que tiveram a oportunidade de ter um dia entrevistando alguma celebridade.

Confira:

Você escolheu fazer teatro ou quis fazer teatro?

Eu amava fazer teatro quando era criança. Eu comecei com 7 anos. Isso tudo porque eu estava em um cabeleireiro com minha mãe e ela estava fazendo o cabelo, eu estava cantando e uma mulher sentada próxima a minha mãe disse que eu deveria ir para a Broadway porque o filho dela estava lá e nós deveríamos ir ver esse agente. Eu fui ver esse agente e então comecei a fazer audições e outras coisas. Eu fiz o meu primeiro show, “A Christmas Carol”, aqui em Nova York no teatro do Madison Square Garden, e foi a 17 anos atrás.

Qual foi o melhor filme em que você já atuou?

Eu não tenho certeza. Eu acho que depende de quem vê meus filmes. Eu vou dizer que me diverti muito filmando “Jumanji” e eu trabalhei com muitas pessoas que eu respeito e admiro. Talvez essa tenha sido uma das melhores experiências mas a maiores em termos de escalas – O orçamento, a grande gravação e as premieres em todo o mundo foram loucas e excitante.

Qual foi a coisa mais estranha que uma fã já fez?

Uma vez, voltando de um dia com meus irmãos, duas fãs pularam  na parte de trás da van que estávamos.  Quando chegamos ao hotel e fomos pegar nossas bagagens elas pularam para fora. Isso foi um pouco assustador mais um pouco divertido de contar. Na verdade nós demos gorjetas a elas por serem tão comprometidas.

O nome do seu cachorro é Elvis como o seu cantor favorito Elvis Costello?

Sim, eu coloquei esse nomo depois de Elvis Costello. Várias pessoas acharam que era Elvis Presley. Eu amo Elvis Presley, mais eu realmente sou fã do Elvis Costello.

Você gosta mais de atuar com seus irmãos ou sozinho?

Eu acho que atuar sozinho é algo diferente. É algo que eu tenho que trabalhar duro, eu estou emocionado por estar em um local em um momento real. É excitante. As coisas estão começando a acontecer. Mas conseguir trabalhar com meus irmãos foi ótimo,  uma experiência diferente é difícil comparar.

O que é mais difícil de decorar, suas músicas ou o script de um filme?

Ambos são desafiadores. Eu acho que as letras de músicas são difíceis porque são várias músicas. Eu tenho entre as minhas e as com meus irmãos – são como 300 e 400 músicas para lembrar, o que pode ser muito, muito difícil. Além disso, uu escrevi  músicas que ainda não saíram, então são várias músicas na minha cabeça. As palavras para uma cena parecem ser um pouco mais natural porque é só um pouco aqui e ali.

Que conselho você daria para o seu eu mais jovem?

Eu o aconselharia a apenas se divertir a aproveitar a trajetória. Eu costumava me estressar muito com as coisas que não dão certo e pequenas coisas, mas agora eu acho que é melhor apenas se divertir com elas.

Como você se sentiu quando o seu agente descobriu que você podia cantar e atuar?

Foi uma gravadora que nos descobriu. Ele ouviram uma música que nós tínhamos escrito e decidiram assinar com nós três. Na primeira vez eu estava um pouco chateado porque eu tinha 11 anos e eu estava fazendo minhas próprias coisas e meus irmãos tinham que se juntar. Mas no final foi uma coisa boa para todos nós. Essa foi uma jornada incrível para todos fazermos juntos. Eu sou grato por isso.

Qual foi a primeira música que você escreveu e cantou?

Eu estava com meu pai. Eu não terminei ou gravei ela, mas eu me lembro de voltar de um show em Nova York e cantei ela no carro. A primeira música que eu gravei foi “Joy to the World, A Christmas Prayer”. Eu escrevi quando eu tinha 9 anos e meus pai filmou, e foi a música que me fez um cantor.

Você aprendeu mais sobre si mesmo quando virou uma celebridade e você foi capaz de se acostumar com isso?

Você  já se acostumou com isso? Eu não sei, mas eu realmente sei tudo o que sei. Isso se tornou uma grande parte da minha vida e é apenas uma coisa para mim e é o que eu amo fazer. Eu amo me apresentar e escrever. Eu escolhi não pensar muito sobre ser uma celebridade e ser mais grato por fazer o que amo.

 

Alguns direitos reservados - jonasbrothersbr.com - Tema desenvolvido por Gustavo Ribeiro - obrigado pela visita!